BIOGRAFIA DO IRMÃO MELHEM IBRAHIM SAAD (PARENTE)

COMENDA Melhem Ibrahim Saad (Parente)

 

A Augusta e Respeitável Loja Simbólica Benemérita Cinquentenária Sétima Luz, nº 07, do Oriente de Santa Inês – MA, pela passagem das comemorações do seu Jubileu de Ouro, ocorrido no dia 07/09/2016, instituiu a Comenda Melhem Ibrahim Saad, em reconhecimento ao valoroso obreiro Melhem (Parente), cuja biografia foi lida em Sessão Magna alusiva a data.

BIOGRAFIA DO IRMÃO MELHEM IBRAHIM SAAD (PARENTE)

*1921  -   1981†

Nascido no dia 08 de maio de 1921, na cidade de Fourzol, Beeka, no Líbano, Melhem Ibrahim Saad, tinha 31 anos, quando partiu de sua terra natal com a intenção de auxiliar seu tio em uma fábrica de whisky, em Ohio, nos Estados Unidos. Porém, antes de se fixar em solo americano, Melhem fez uma parada no Brasil, a fim de conhecer parte de sua família que residia em Pindaré Mirim, no estado do Maranhão. Isso porque seu avô Tanus Haickel se fixara na região em 1912, com alguns de seus filhos e sua esposa.

Mas, Melhem nunca concretizou seu intento inicial de viver nos Estados Unidos. Ao chegar à cidade, hospedou-se na casa de sua tia Maria Haickel (irmã de seu pai). Logo se apaixonou por Jandira Maluf Saad (filha dos imigrantes libaneses Tufi Maluf e Angélica Maluf), com quem se casou, mudando-se para Santa Inês, onde constituiu família e iniciou suas atividades no comércio.

Com grande tino comercial, possuía estabelecimentos de tecidos, máquinas de costura e também uma farmácia. Por fim, manteve-se apenas com a farmácia. E foi lá onde exerceu a atividade que mais lhe dava prazer: cuidar dos outros.

Melhem era muito atencioso com os pobres. Se tinha dinheiro, levava o medicamento da farmácia, se não tinha, levava do mesmo modo. Os amigos mais próximos o chamavam de Mestre.

Sua principal característica era a busca por ajudar o próximo, principalmente os mais vulneráveis. Homem honrado, respeitado e de única palavra. Por possuir um nome difícil para o vocabulário brasileiro, foi apelidado de Parente, e assim ficou conhecido e lembrado em Santa Inês.

Iniciou na Maçonaria em 02 de dezembro de 1961,e foi o primeiro Venerável Mestre da Augusta e Respeitável Loja Simbólica Sétima Luz N 7.

Em 25 de outubro de 1981, faleceu em São Paulo após uma cirurgia cardíaca.

    Publicado em 12/09/2016 - fonte: Djalma Sarmento, Venerável Mestre da A.´. R.´. L.´. S.´. Sétima Luz, nº 7. Or.´. Santa Inês.